Fonte: Redação - Fotos: Divulgação

Adquirir a casa própria é o sonho de muitos brasileiros. Das diversas opções disponíveis no mercado, comprar em leilão pode ser a alternativa menos burocrática e um bom investimento em 2020, é o que diz Fernando Cerello, leiloeiro oficial da Mega Leilões, empresa especializada em realizar leilões judiciais e extrajudiciais de imóveis no Brasil.

 

“Devido à flexibilidade para pagamento e a redução do valor do imóvel, que varia de 40% a 70%, o leilão pode ser uma boa oportunidade de investimento para 2020. Mesmo com o corte na taxa Selic e a redução da taxa de financiamento pelos bancos, comprar imóvel em leilão continua sendo a opção mais vantajosa. Além disso, a conservação do imóvel, que na maioria das vezes é boa, contribui para que a compra em leilão seja interessante, tanto para quem pensa na casa própria, quanto para quem deseja investir e gerar recursos”, explica. 

 

Como funciona a compra de imóvel em leilão?

 

A compra de imóveis em leilão funciona da seguinte forma, o consumidor entra no site da leiloeira ou vai pessoalmente ao local, caso o leilão seja presencial, escolhe o imóvel, dá o seu lance e fica no aguardo da confirmação. Caso o lance seja aprovado, o consumidor é orientado quanto à documentação e formas de pagamento do arremate. 

 

Para o especialista da Mega Leilão, não existe um conhecimento popular sobre como funciona a compra de um imóvel em leilão, o que faz com que seja uma alternativa menos procurada pelas pessoas na hora de comprar. “Muitos acham que comprar um imóvel em leilão não é o certo, que o imóvel virá cheio de dívidas, ou até mesmo, inclui a necessidade de portar o montante para pagamento à vista, mas hoje as coisas estão mais simplificadas e isso as pessoas desconhecem”, comenta Fernando. 

 

Segundo ele, já existe a possibilidade de financiamento do imóvel leiloado e descontos de até 40% para pagamento à vista.

 

Quais os tipos de leilões existentes? Qual a melhor opção para começar a investir?

 

O leilão judicial é a oferta de bens em garantia do pagamento de dívidas em processo judicial, já o leilão extrajudicial acontece quando uma pessoa física ou jurídica precisa se desfazer de um imóvel de forma rápida, fugindo da burocracia comum do mercado imobiliário.

 

“Um imóvel comprado por meio de leilão extrajudicial sempre é mais fácil para investir, pois não há a necessidade de recorrer à demanda judicial na retomada do imóvel, os bancos acabam fazendo isso pelo comprador. Aliás, a flexibilidade no pagamento do arremate também é um ponto a considerar, pois em um leilão judicial dificilmente há a possibilidade de parcelamento da compra”, orienta Fernando. 

 

Leilão com alternativa para investimentos

 

A compra de imóvel em leilão não é só um bom investimento para quem deseja comprar a casa própria, ela também é recomendada para quem deseja investir no mercado imobiliário e gerar recursos com isso.

 

É o caso do consultor imobiliário, Alessandro Vasconcelos, 47 anos. Sua primeira compra de imóvel em leilão foi despretensiosa, ele conta que estava à procura de imóveis para revender em sua imobiliária e descobriu um com preço atrativo em um site de leilão. “Eu estava em casa buscando imóveis para a minha imobiliária e encontrei um apartamento lindo e com ótimo preço em um site de leilão, dei o lance e em alguns dias recebi um e-mail dizendo que foi aprovado. A partir daí, sempre compro imóveis em leilões para compor o catálogo da minha imobiliária”, conta.

 

Ele ainda explica que viu na aquisição de imóvel em leilão uma oportunidade de investimento a baixo custo, pois é possível comprar imóveis em estado de conservação razoável, pagando um bom preço e assim gerar recursos muito maiores que o investido por meio de locação e revenda. “Eu compro esses imóveis por um preço abaixo do mercado, reformo e coloco para venda ou locação com o objetivo de gerar recursos e fazer dinheiro. Sem dúvida a aquisição de imóvel em leilão pode ser uma opção de investimento, pois é possível comprar imóveis bons com preços abaixo, alguns necessitam de reformas, mas o valor gasto vale a pena”, finaliza.

 

Outros fatores mostram a compra de leilão como boa opção de investimento em 2020:

 

Aquisição rápida do imóvel

 

Leilões são processos que variam conforme o edital em datas estipuladas pelos órgãos responsáveis pelo bem, mas o procedimento é rápido e dura em média 30 dias. Já os particulares, em que a maioria é adquirida por meio do financiamento, a compra pode demorar até um ano ou mais para ser concretizada. Ainda assim, vale a pena a compra para quem está com pressa e não quer esperar mais de 2 anos, que é o tempo médio de construção de um imóvel na planta, para ter o seu.

 

Mais segurança e menos burocracia

 

A compra de um imóvel em leilão é menos burocrática que o financiamento. Para adquirir um imóvel em leilão, o consumidor deve se cadastrar primeiramente no site da leiloeira, dar o lance no imóvel escolhido e depois seguir os trâmites legais para a posse, que varia conforme o edital de cada leilão realizado. A maioria das leiloeiras possui certificado de segurança e profissionais especializados no assunto, a fim de garantir a eficácia no processo.

 

Mais opções de imóveis prontos disponíveis

 

Os leilões possuem um leque maior de opções na compra de imóveis prontos, não havendo a necessidade de esperar ele ficar pronto para aquisição. Após a arrematação do imóvel escolhido o consumidor recebe as guias de arrematação por e-mail, realiza o pagamento, envia para a leiloeira os comprovantes e aguarda a homologação do juiz.

 

Maior possibilidade de gerar recursos (dinheiro)

 

Hoje é possível comprar um imóvel pronto ou semirreformado em leilão, por isso, essa é uma boa oportunidade para gerar recursos por meio da venda ou locação. Por exemplo, se o consumidor pagou R$ 150 mil em um imóvel semiacabado, com a reforma ele gasta R$ 170 mil no total, podendo vendê-lo por R$ 200 mil, já que a reforma valoriza o imóvel. Além disso, os recursos gerados por meio da locação de imóveis representam um bom caminho para iniciar uma jornada de independência financeira, tratando-se de investimentos.


Rua 14 de Julho, 1431
Centro
Campo Grande - MS

Ver mapa

(67) 3321-1010 / 98115-0501 / 99211-9055